logo


Diretoria do Sinsjustra retoma as atividades com foco na diminuição do Abismo Salarial entre os Técnicos e Analistas

Diretoria do Sinsjustra retoma as atividades com foco na diminuição do Abismo Salarial entre os Técnicos e Analistas


Passadas as comemorações das festividades de final de ano, a Diretoria Executiva do Sindicato dos Servidores da Justiça do Trabalho da 14ª Região dos Estados de Rondônia e Acre (Sinsjustra) retomou as articulações visando à diminuição do abismo salarial dos Técnicos judiciários com os Analistas, nos cargos que exigem o conhecimento de nível superior nas atividades laborais e que configuram no desvio de função dos Técnicos.

O presidente do Sinsjustra, Antônio Batista de Souza, tem demonstrado preocupação com a pauta uma vez que o Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio de Mello votou a favor da transformação da estrutura de cargos no Tribunal Justiça de Roraima.

Com a decisão favorável à equiparação de salários no extremo norte do país, o Sinsjustra tem se mobilizado para tentar estender a reestruturação da carreira dos Técnicos Judiciário do TRT-14 nos Estados de Rondônia e Acre, principalmente nos cargos em que os técnicos judiciários têm exercido o trabalho de analistas.

“Nossa luta é pela diminuição do abismo salarial entre as duas carreiras e a necessidade de suspensão da exigência do nível superior (NS) para os cargos que o Técnico Judiciário possa exercer, temos que ter a consciência que os Técnicos Judiciários exercem muitas funções que na teoria seriam dos Analistas mais que prática no dia a dia são exercidas pelos Técnicos Judiciários e com eficiência e eficácia”, afirma o líder sindical.

 

Confira na íntegra o voto do ministro relator (no anexo).


Arquivos

Top